Mais que uma selfie

As selfies parecem ter alcançado um patamar mais alto que apenas o ato de fotografar por diversão ou vaidade. Os cliques já servem para abrir uma conta de banco, validar o cartão de crédito e até mesmo garantir a segurança do seu celular. E agora, nos EUA o autorretrato vai ser usado para declarar imposto de renda.

Assim como no Brasil a entrega do documento também está perto da data limite. E o governo do Alabama resolveu inovar, ao se associar com a MorphoTrust, para permitir que seus contribuintes possam realizar a declaração de uma forma mais, digamos, tecnológica.

O app da desenvolvedora utiliza um sistema de identificação eletrônica para autenticar o usuário e autorizar a expedição do arquivo. A foto de um documento mais a selfie tirada na hora servem para garantir que o processo seja seguro e livre de fraudes.

E quem ajudar nos testes da plataforma vai ter prioridade tanto no processamento da declaração quanto na fila de restituição. Esse “empurrãozinho” pode acabar reduzindo um pouco os números de evasão fiscal. Bela alternativa!

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU