Globosat adota ‘nuvem’ da Microsoft

Comentário da matéria “Globosat adota ‘nuvem’ da Microsoft”

Jornal Valor Econômico

 

A GLOBOSAT está nas nuvens literalmente. A programadora de TV por assinatura adotou o sistema de gestão de relacionamento com clientes (CRM) e o serviço de mensagens eletrônicas acessados via internet. Isto significa que em vez de instalar os programas nos computadores próprios, os softwares ficam em centros de dados da Microsoft.

A partir desta adoção dos serviços em “cloud computing”, a GLOBOSAT economizou de 70% a 80% em relação ao investimento que teria de fazer para atualizar o serviço de e-mail anterior e aumentar a capacidade de armazenamento. Além disso, a programadora de TV passou a operar de forma integrada, o que permite a atualização automática de dados para toda a rede de usuários.

Os benefícios do software nas nuvens vêm conquistando novos adeptos no mundo todo. Um estudo recente da consultoria IDC revela que, no Brasil, 18% das companhias de médio e grande porte adotam aplicações na nuvem. Até 2013, essa fatia aumentará para 30% a 35%. De acordo com a Frost & Sullivan, 54% das companhias de grande porte adotam software e serviços na nuvem.

Atenta às novas tendências e convencida dos grandes benefícios da computação nas nuvens, a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Sectec) também adotará o Office 365, mesmo software adquirido pela GLOBOSAT para modernizar o quadro de TI e garantir mais eficiência aos processos. Só no Brasil, a versão é usada por 200 mil empresas e 40 milhões de usuários.

Buscar um programa de tecnologia sintonizado com que há de última geração é um diferencial do Estado de Goiás. A computação em nuvem trará mais qualidade para o trabalho do servidor público, melhoria no atendimento aos cidadãos, transparência e agilidade nos processos, dentre outros benefícios. É um grande passo para que juntos possamos nos desenvolver e amparar o crescimento sustentado do Estado, permitindo condições de competitividade à nível nacional e internacional.

 

 

 

 

 

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU