Amazon usa Nestlé no varejo físico

 

Bem no clima de Natal, a Amazon firmou uma nova – e saborosa – parceria com a Nestlé. O objetivo é promover o site da titã da internet e estimular as vendas de livros digitais.

“No Brasil existem em torno de 1,2 mil livrarias. Há uma limitação muito grande, principalmente em cidades de pequeno porte”, diz Alex Szapiro, diretor-geral da Amazon no Brasil. A varejista quer atingir principalmente cidades que não possuem grandes livrarias.

A ação da parceria que começa nesta semana está em distribuir no Brasil cerca de 30 milhões de caixas de bombons, com códigos que permitirão aos consumidores baixar um livro de uma lista de dez obras digitais da Amazon. Será interessante também para a Nestlé já que as vendas de chocolate no Brasil caíram 8,3%, segundo a Nielsen.

A Amazon já se aventurou no mundo de smartphones ao lançar seu próprio aparelho, em serviços de streaming de música, como também inovou ao oferecer o aluguel de livros digitais ou de se aventurar no varejo físico (no Brasil ela instalou um quiosque na avenida Paulista, em São Paulo). As tentativas para se destacar e constantes novas estratégias são características dessa gigante do mundo virtual. Dessa vez, não foi diferente. Livros e chocolate, eu pessoalmente acho uma combinação perfeita.

 

 

*Assunto extraído do Jornal Valor Econômico

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU