Migrar para nuvem aumenta gastos de grupos de software

Comentário da matéria “Migrar para nuvem aumenta gastos de grupos de software”

Jornal Valor Econômico

 

O modelo na nuvem ganha cada vez mais espaço, e para as grandes empresas que desenvolvem esse tipo de programa, os custos têm ficado cada vez mais altos. O Google, a Amazon e a Microsoft somaram entre janeiro e março uma despesa de US$ 4,6 bilhões para oferecer seus serviços na nuvem. Gastos que representam um aumento de 65% em comparação aos três primeiros meses de 2013.

A brasileira Totvs também não ficou de fora desse investimento. Apenas para a pesquisa e desenvolvimento dessa área, a empresa gastou R$ 213,6 milhões. “A mudança na oferta, com melhoria da conexão, de aspectos de segurança e da performance, tem atraído mais os clientes de grande porte”, diz Marília Rocca, vice-presidente de Negócios da Totvs.

Os custos dessas empresas incluem a contração de desenvolvedores de software, investimentos em infraestrutura e outros tipos de mudanças para incrementar a oferta na nuvem.

O mercado na nuvem é promissor. O diretor da consultoria IDC, Alexandre Campos da Silva, estima que em 2014 as empresas vão comprar no Brasil US$ 224 milhões em softwares em nuvem e a demanda na área aumentará 68% até 2017. Isso talvez explique os altos investimentos das grandes empresas nesse setor.

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU