Pequenos precisam aprender a explorar melhor as redes sociais

 

Um grande evento de empreendedorismo e inovação que aconteceu mês passado nos Estados Unidos, o Sage Summit 2015, reuniu 7,5 mil participantes de 64 países que chegaram a uma conclusão: nos próximos anos as redes sociais serão as principais plataformas de captação de novos clientes.

Facebook, Twitter, Youtube, Instagram, LinkedIn e Pinterest, são as principais redes sociais da atualidade e que possuem números expressivos de usuários. Investir nesses tipos de meios deixou de ser um diferencial, para se tornar uma necessidade para qualquer empresa.

“Organize grupos de conversas no Facebook, publique vídeos, mantenha um blog atualizado e inclua o site da empresa na página”, diz o autor do livro The Pumpkin Plan.

“Quando você encontrar alguém na internet que não gostou da sua mercadoria, tente descobrir, o mais rápido possível, o motivo da antipatia e como reverter a má experiência do consumidor”, afirma Shameka Reed, fundadora da agência de relações públicas Savvy. Para ela, as mídias sociais também devem ser usadas para construir e manter a credibilidade da marca.

Às vezes o uso assíduo das redes sociais fica apenas nas grandes corporações. Mas como vimos no texto, os pequenos empreendedores não devem limitar suas estratégias nesses meios. É claro que você não precisa estar em todos eles, por isso estude antes as características de cada um para saber qual o perfil dos usuários, quais são os mais vantajosas para o seu negócio, como abordar os assuntos, atrair novos usuários e, consequentemente, conquistar clientes.

 

 

*Assunto extraído do Jornal Valor Econômico

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU