Empresas de tecnologia encontram dificuldade em preencher as vagas

Comentário sobre a matéria “Empresas de tecnologia encontram dificuldade em preencher as vagas“.

Bom dia Brasil, da Rede Globo, no dia 19/04/2011

Recentemente, uma pesquisa anunciou que o Brasil subiu cinco lugares e está na 56ª colocação no ranking do Relatório Global e Tecnologia da Informação 2010-11, divulgada pelo World Economic Forum. Segundo o IBGE, o setor de produtos e serviços em Tecnologia da Informação (TI) gerou R$ 39,4 bilhões em 2009.

Estes dados demonstram a solidez do mercado de Tecnologia no Brasil. Crescemos muito e vamos crescer cada vez mais. Os empresários estão determinados a fazer fortes investimentos, principalmente no que se refere à inovação.

Entretanto, o crescimento sustentável de um segmento precisa de profissionais bem capacitados e que estejam dispostos a se dedicar. Esta é a variável, que hoje dificulta o avanço do setor de tecnologia.

De forma clara e didática, a Rede Globo produziu a matéria “Empresas de tecnologia encontram dificuldade em preencher as vagas”, transmitida pelo telejornal Bom Dia Brasil de 19 de abril. Através dos cases foi possível visualizar que a admissão de funcionários choca com a falta de experiência e a não formação dos candidatos.

Onde está a saída? A reportagem demonstrou que muitas empresas estão encontrando a solução ao estarem dispostas a investir na formação de seus funcionários, lembrando que a capacitação deve ser contínua, afinal a tecnologia está em evolução e por isso muda o tempo todo.

De forma muito sensata, finalizaram a matéria com um bate-papo com a jornalista Mirian Leitão, que expressou uma opinião compartilhada por mim. “As empresas têm de ter uma aproximação maior com as universidades, sejam elas privadas ou públicas, para escolher seu profissional e ajudar as instituições a preparar esse profissional, de acordo com suas exigências”.

Acredito que o Brasil crescerá exponencialmente quando Governo, Iniciativa Privada e Universidades trabalharem juntos. Este é um tripé, que agiliza os grandes avanços científicos e empíricos da sociedade pós-moderna, além de oportunizar chances reais de crescimento a todos os envolvidos, desenvolvendo o lado criativo e inovador das pessoas. Esta é uma das receitas para garantirmos que idéias sejam aplicáveis, com eficiência e melhoria do cenário nacional.

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU