Cientistas criam chip que integra memória RAM e processador

Pesquisadores do MIT e da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, criaram um novo tipo de chip que pode representar um novo tipo de arquitetura capaz de sanar problemas de velocidade. Ao agregar CPU e RAM empilhadas num único conjunto, a pesquisa pode apontar o caminho para computadores mais rápidos e eficientes.

Ao empilharem os componentes uns sobre os outros, os pesquisadores diminuem a distância física que a informação precisa percorrer e assim os dados chegam mais rapidamente à memória. Além disso, menos energia é consumida.

A conexão entre as camadas da CPU e da memória é feita por nanotubos de carbono, empilhados nas camadas de grafeno, usadas na confecção do chip. Dentro dessas tubulações, fiações extremamente densas se encarregam do transporte dos dados.

Apesar da fabricação do chip em laboratório, ainda não há data para que os frutos da pesquisa se tornem produtos prontos para a comercialização. Vamos aguardar!

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU