Carregador para celular vira mimo para cliente

 

Hoje em dia ficar sem bateria no celular causa uma sensação estranha na gente, como se tivesse faltando alguma coisa. Concordam? A situação fica ainda mais incômoda quando estamos em um bar, por exemplo, porque da vontade de logo ir embora para casa.

Acho que isso acontece de duas maneiras: a pessoa encurta seu tempo nesses estabelecimentos ou pede uma ajudinha para o garçom carregar um pouco do aparelho no caixa ou na cozinha. Acertei?

É por isso que aqui vai uma dica simples e valiosa para os donos de restaurantes, bares, entre outros: invistam em carregadores portáteis, totens onde o cliente deixa o aparelho ou mesmo tomadas sinalizadas.

Quem investe nessa ideia garante que assim os consumidores passam mais tempo no estabelecimento, e então consomem mais. “Também há a intenção de passar uma imagem positiva, de um local que pensa no conforto do cliente”, afirma Thiago Mancini, sócio-diretor do grupo Mancini, dono de cinco restaurantes no centro de São Paulo. – Cada unidade tem cerca de 20 aparelhos portáteis para recarga.

Isso também vale para os consultórios, clínicas, escritórios, etc. Não há dúvidas que o cliente ficará mais satisfeito se puder esperar o atendimento com o celular ligado e conectado, é claro, a uma boa internet também oferecida pelo local.

 

 

*Assunto extraído do Jornal Valor Econômico

Compartilhe no Google Plus

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU